Home Basquete Árbitro Guilherme Locatelli estreia no basquete das Olimpíadas de Tóquio

Árbitro Guilherme Locatelli estreia no basquete das Olimpíadas de Tóquio

Profissional catarinense foi um dos oficiais do jogo entre Estados Unidos e França

por Luiz Mendes
0

O árbitro catarinense Guilherme Locatelli começou no último domingo (25) a participação nas Olimpíadas de Tóquio com grande estreia na modalidade de basquete. Guilherme foi um dos oficiais do jogo Estados Unidos e França no naipe masculino, partida válida pela fase de grupos, com vitória francesa por 83 a 76. Essa é a segunda Olimpíada do árbitro do quadro da FCB que fez estreia no Rio 2016.

“A chegada aos Jogos Olímpicos é o auge, é o sonho de todo o árbitro, assim como os atletas, então eu sonhava com isso antes mesmo de começar minha carreira. A segunda vez é a consolidação, na primeira vez você pode ir como um árbitro com potencial, mas quando é convocado pela segunda vez, ainda mais com toda a história que o mundo viveu nesse ciclo, você mostra que não era só mais uma aposta, mas que é um árbitro sólido no cenário internacional”, comentou Locatelli em entrevista ao Jornal do Almoço, da NSC TV .

Final do Estadual Adulto Feminino 2019, em Jaraguá do SulFoto: Lucas Inácio / FCB

A partida foi a segunda derrota dura dos EUA para a França nos últimos dois anos, a outra foi nas quartas de final do Mundial de 2019, primeiro revés em jogos internacionais desde os jogos de 2004. Curiosamente, Guilherme Locatelli foi o árbitro principal daquele jogo e, depois, das semifinais do melhor jogo do torneio entre Espanha e Austrália.

Além do árbitro catarinense, o Brasil está representado pela árbitra da Federação Paulista, Andreia Regina Silva, que também estreou no domingo (25), na abertura da competição feminina entre Espanha e Coreia do Sul.

Fotos: Lucas Inácio / FCB