Home Lages e Região Serrana Convênio Bolsa Atleta passa por mudanças em Lages

Convênio Bolsa Atleta passa por mudanças em Lages

Programa contempla atletas de rendimento com resultados em nível regional, estadual, nacional e internacional

por Marcelli Silva
0

O convênio entre prefeitura e atletas ligados a associações com vínculo na Fundação Municipal de Esportes de Lages, FME, passa por reforma em 2021. As mudanças na lei estão sendo estudadas pelo gabinete do Prefeito Antônio Ceron e estão prestes a serem enviadas para Câmara de Vereadores para aprovação.

O programa contempla atletas de rendimento com resultados em nível regional, estadual, nacional e internacional, como é o caso do atleta do Handlages Victor Eduardo Nazario Bastos, que utiliza do benefício para se manter na modalidade. “Uso o valor para comprar suplementos, pagar academia e comprar materiais para treinos”, observa.

Segundo o responsável pelo convênio, Felipe Diego Freitas, as modalidades conveniadas como Lages Futsal, Handlages, Avofel, Adevips, Apae, entre outras, receberam 10 parcelas do benefício em 2019. “Em 2020, por conta da pandemia, foram pagas três parcelas com valores que variaram de R$ 80 a 750, conforme o nível da conquista”, ressalta Felipe.

Para Daniela Stache, mãe do atleta Vinicius Perin, de 16 anos, o Bolsa Atleta é um reconhecimento e um incentivo. “É um incentivo para ele continuar a treinar, além do reconhecimento e valorização por suas conquistas e dedicação dentro de quadra”, comenta.

Para receber o bolsa atleta, não há idade mínima, entretanto há algumas regras, conforme explica o superintendente da Fundação Municipal de Esportes, Renato Nunes de Oliveira Júnior, o Renatinho. “O esportista precisa ter participado de no mínimo três competições ou etapas a nível estadual e obtido colocação em primeiro, segundo ou terceiro lugar”, explica.