Home Brusque Nação deve apresentar carta de desistência do Catarinense

Nação deve apresentar carta de desistência do Catarinense

Time acusa Prefeitura de Canoinhas de não cumprir acordo preestabelecidos para participação da equipe na competição

por Luiz Mendes
0

A equipe do Nação Esportes vai protocolar na próxima segunda-feira (21), oficialmente à Federação Catarinense de Futebol (FC), a carta de desistência da Série B do Campeonato Catarinense. De acordo com o clube, o motivo é em razão do descumprimento de acordo preestabelecidos pela Prefeitura de Canoinhas para a participação da equipe na competição.

Na noite desta quinta-feira (17), o clube realizou uma live nas páginas oficiais para esclarecimentos envolvendo o planejamento para 2021. Na ocasião, os dirigentes apresentaram a carta de desistência do campeonato e deram o prazo para que a prefeitura cumpra com as promessas a próxima sexta-feira (18), às 18h. Caso contrário, o clube voltará a focar no seu projeto inicial: as categorias de base.

Participaram da reunião o presidente Tiago Reis, acompanhado pelo diretor executivo Gabriel Fronzi, o diretor jurídico Alex Lemos e o técnico Kokan. A live foi apresentada pelo jornalista Douglas Martins.

Entenda o caso

Em uma bela campanha na temporada passada, o Nação Esportes garantiu o acesso à Segundona, se consolidando na vice-liderança da Série C. Até então, a equipe sediava as partidas na cidade de Joinville e após o acesso, acertou a ida para a cidade de Canoinhas, em um acordo com o poder público e o empresariado local, para disputar a Série B do Estadual. Com o acordo, o objetivo era que a região tivesse um representante nas competições de elite do futebol catarinense.

Enquanto isso, outros clubes que também estão entre os participantes da Série B já realizam seus treinamentos há pelo menos um mês, como é o caso do Barra FC, de Balneário Camboriú e o Carlos Renaux, de Brusque. Já o Internacional de Lages, que ainda não deu início nos treinamentos, se encontra na mesma situação do Nação e é outro clube especulado a desistir da competição.

Falha no acordo

Desde o dia 10 de maio em preparação para a disputa do Campeonato Catarinense da Série B, o Auriazul, diante promessas e compromissos acertados com Canoinhas, iniciou todo o planejamento de forma profissional e organizada para competir a Série B profissional, tendo em vista que o principal foco no clube é a base, e decidiu, após o acerto com representantes da cidade, disputar o Estadual.

Nação deve apresentar carta de desistência do CatarinenseFoto: Gustavo Mejía

Segundo o Nação Esportes, a outra parte não cumpriu com o prometido. Os repasses do empresariado local para subsídio para alimentação e transporte para os jogos em casa e fora e hospedagem foram simplesmente ignorados. Todo o planejamento não cumprido comprometeu o projeto.

A competição

A Série B do Campeonato Estadual de 2021 terá 10 equipes em disputas de duas vagas para a elite do futebol catarinense. Participam da competição as equipes do Atlético Catarinense, Barra, Caçador, Camboriú, Fluminense, Guarani de Palhoça, Internacional de Lages, Nação e Tubarão.

Com base no regulamento, o Catarinense da Série B terá formato de turno e returno, e os dois times que somarem mais pontos na classificação geral garantem o acesso à elite e disputam a taça da Segundona. Além disso, as duas equipes com as piores campanhas serão rebaixadas.