Home Futebol Azaléia sai em vantagem diante do Santos Dumont pelo Municipal de Futebol Amador de Brusque

Azaléia sai em vantagem diante do Santos Dumont pelo Municipal de Futebol Amador de Brusque

Jogo teve polêmica em gol e duas expulsões

por Sidney Silva
0

A equipe da Vidraçaria Azaléia largou em vantagem no primeiro jogo da semifinal do Municipal de Futebol Amador de Brusque. Jogando como visitante neste sábado (15), no estádio Maria Steffen, os atuais campeões venceram o Santos Dumont por 2 a 1. Todos os gols foram anotados no primeiro tempo. O time da Azaléia ainda jogou os minutos finais de partida com dois jogadores a menos. Com a vitória nos primeiros 90 minutos, a equipe pode até empatar o jogo da volta, que será disputado no mesmo estádio, para ficar com a vaga.

O duelo entre Santos Dumont e Azaléia foi transmitido ao vivo pelo EsporteSC, com oferecimento Gabi Automóveis. Dener, da equipe vencedora, foi escolhido o craque da partida e levou pra casa um combo completo de churrasco oferecido pelo Assadão do Maluche. Além de Santos Dumont e Azaléia, Nova União e Mecânica do Japa também disputam às semifinais. O primeiro jogo entre essas duas últimas equipes será disputado neste domingo (16), às 9h45, com mando do Nova União, no campo do Cedrense.

O jogo
O Santos Dumont começou melhor que o time da Azaléia, apesar de não ter conseguido pressionar o adversário. As principais oportunidades eram em chutes da entrada da área. Logo no começo da partida, Luan obrigou Murilo a fazer grande defesa. Até os 30 minutos, no entanto, cada time teve apenas uma chance claríssima. Djonathan recebeu cruzamento dentro da área e bateu por cima, desperdiçando ótima oportunidade para o time visitante. Pelo Santos Dumont, a resposta foi na sequência. Jacaré fintou um marcador e passou por outros dois, mas a bola quicou antes da finalização e o jogador bateu por cima. Seria um golaço.

As principais emoções, no entanto, ficaram para os minutos finais, quando o time da Azaléia assumiu o controle do jogo, após a parada técnica. O placar foi aberto já nos acréscimos da partida, aos 47, diante muita polêmica. Depois que Djonathan cobrou falta, a zaga do Santos Dumont não conseguiu tirar e, na sequência da jogada, Marcelo Quilder precisou finalizar duas vezes para mandar para as redes. Jogadores do Santos Dumont, no entanto, reclamaram que outros jogadores do Azaléia participaram da jogada e atrapalharam o sistema defensivo, em condição irregular. Veja o lance aqui.

Publicidade

O jogo demorou quase quatro minutos para ser reiniciado e o Santos Dumont já levou mais um gol. Dedo foi afastar uma bola na defesa ela explodiu no atacante adversário. Na sequência, a bola voltou para a área, Felipe furou e Godo, atrás do defensor, não perdoou: 2 a 0. Aos 54, o Santos Dumont ainda conseguiu descontar. A arbitragem anotou mão dentro da área do Azaléia, após cobrança de falta. Tony foi para a batida e mandou no canto esquerdo, para diminuir o marcador ainda antes do intervalo: 2 a 1.

Etapa final
Com o confronto em aberto, a expectativa era de que o jogo pegasse fogo na etapa final. Mas a partida caiu muito de produção, com os dois times sem levar muito perigo às metas adversárias. Com o placar favorável, a Azaléia cozinhou o jogo e ainda reclamou de um pênalti em cima de Djonathan, perto dos 25 minutos da etapa final. Nos 10 minutos finais, o time ainda teve duas expulsões. Aos 42, Andrei recebeu o segundo amarelo e foi para o chuveiro mais cedo. Aos 45, Tom também levou o vermelho e foi para a rua. Com dois a mais, o Santos Dumont até tentou pressionar, mas não levou grande perigo ao adversário, que segurou o resultado e venceu por 2 a 1.