Home Brusque Brusque FC se manifesta sobre retorno de torcida em estádios

Brusque FC se manifesta sobre retorno de torcida em estádios

Futebol brasileiro já completa 1 ano e 5 meses sem a presença de torcedores

por Luiz Mendes
0

Depois dos rumores sobre o retorno do público nos estádios ainda nesse ano, o presidente do Brusque FC, Danilo Rezini, comentou sobre a possibilidade de novamente contar com os torcedores no Augusto Bauer para a sequência da equipe na temporada de 2021. Em virtude da pandemia da Covid-19, o futebol brasileiro já completa 1 ano e 5 meses sem a presença de torcidas nos estádios.

Brusque favorável

No posicionamento, o presidente do time brusquense afirmou que o clube é totalmente favorável desde que seja oferecida a segurança para as pessoas que estarão nos estádios. “Vejo que está na hora sim de começarmos aos poucos o retorno do público. Parece que estão falando em 20 a 30 % da capacidade. Acredito que seja um percentual ideal para iniciarmos, mas com todas as regras dentro dos protocolos de saúde”, comenta Rezini.

“Vejo que está na hora sim de começarmos aos poucos o retorno do público”, Danilo Rezini, presidente do Brusque FC

Além disso, Rezini destacou que a questão financeira é um dos principais motivos que fazem o clube a favor do retorno do público e que, assim como os outros segmentos estão retornando com suas atividades, o futebol não deve ser excluído.

“A primeira razão é que o retorno do torcedor é uma ajuda favorável aos cofres do clube e não é novidade para ninguém que todos os times estão precisando. E por último, vejo que se todos os outros segmentos estão retornando, o futebol, dentro das medidas cabíveis, também deve fazer parte desse retorno.

“Se todos os outros segmentos estão retornando, o futebol, dentro das medidas cabíveis, também deve fazer parte desse retorno”, Danilo Rezini, presidente do Brusque FC

Retorno de público em São Paulo

Torcedores poderão acessar estádios de futebol a partir de 1º de novembro, é o que garante o governo do Estado de São Paulo. O anúncio foi feito nesta quarta-feira (4). Além da entrada de torcida nos estádios estará liberada a entrada em shows e pistas de dança. Segundo o governo estadual, a expectativa é vacinar pelo menos 90% da população paulista até a data.

>>Saiba mais: Governo de São Paulo garante presença de público nos estádios a partir de novembro

De acordo com o UOL, a última partida com público no estado paulista foi em 15 de março de 2020, no duelo entre Mirassol e Santo André no Estádio Municipal José Maria de Campos Maia, em Mirassol. Neste dia, o time que leva o nome da cidade venceu o confronto por 1 a 0, em jogo válido pela décima rodada do Paulistão. A OMS (Organização Mundial da Saúde) havia declarado pandemia de coronavírus quatro dias antes, o que não impediu a presença de 3.710 pagantes.

Foto: Lucas Gabriel Cardoso/BFC