Home Futebol Com belo gol de Julinho, Marcílio Dias chega a primeira vitória na Série D do Brasileirão

Com belo gol de Julinho, Marcílio Dias chega a primeira vitória na Série D do Brasileirão

Mesmo com um jogador a mais em toda etapa final, Marinheiro só consolidou a vitória no final do segundo tempo

por Luiz Mendes
0

Depois de ser derrotado e logo em seguida empatar em casa, o Marcílio Dias conquistou na tarde deste domingo (20), a primeira vitória na Série D do Campeonato Brasileiro. Jogando fora de casa, com lindo gol do volante Julinho no final do segundo tempo, o Marinheiro venceu o Rio Branco (PR) por 1 a 0. A partida válida pela terceira rodada da competição, foi disputada no estádio Nelson Medrado Dias. O Rubro-anil ainda chegou a ter um jogador a mais em toda etapa final, mas só conseguiu abrir o placar nos últimos minutos da partida.

Com a vitória, o Marcílio Dias ocupa parcialmente a sexta colocação do grupo A8 com quatro pontos. Em três jogos, o Marinheiro possui um retrospecto de uma vitória, um empate e uma derrota. Já o Rio Branco é o lanterna do grupo com apenas um ponto. Em três partidas, a equipe parananense coleciona um empate e duas derrotas.

Confira a tabela do grupo A8 atualizada

Primeiro tempo

Com um jogo truncado e paralisado muitas vezes por faltas, o primeiro tempo na Estradinha não foi dos melhores. Jogando fora de casa, na etapa inicial, o Marcílio Dias não conseguiu empurrar a bola para dentro do gol e ainda contou com a bela atuação do goleiro Victor Hugo que salvou o Marinheiro agarrando um pênalti.

A primeira chance do Rubo-anil foi aos 9 minutos. Em jogada com velocidade pelo lado esquerdo, o atacante Anderson Ligeiro disparou para dentro da área, bateu forte e, com perigo. a bola foi sobre o gol de Lucas Macanhan.

Mesmo jogando fora de casa, nos primeiros minutos, o Marcílio Dias resolveu pressionar a saída de bola da equipe de Paranaguá e, com isso, criou mais uma chance de gol. Aos 19 minutos, no bate e rebate, a bola sobrou para o atacante Wellington que, de pé esquerdo, mandou bola rasteira no lado direito do gol do Rio Branco.

Somente aos 24, o Rio Branco criou a a primeira chance de gol. Em jogada pelo lado esquerdo, o atacante Pepeta recebeu a bola pelo meio e, com lindo drible, tirou os zagueiros marcilistas da jogada. Na hora da finalização, o camisa 9 deixou a desejar e bateu em cima do goleiro Victor Hugo que nem precisou reagir.

Já aos 32, o Marcílio Dias não manteve a pressão do início e novamente a equipe da casa criou outra oportunidade de gol. Em jogada pelo lado esquerdo novamente, o lateral Higor, com passe rasteiro para o meio da área, deixou Wiliaam em boa condição, mas com falta Diego Silva roubou a bola. O árbitro que estava em cima do lance apontou para o meio da área e marcou o pênalti.

O camisa 11 do Leão, Deméthryus, foi para a cobrança e não conseguiu vencer o goleiro Victor Hugo, que se esticou no canto esquerdo e salvou o que seria o primeiro gol da partida.

Já nos acréscimos do jogo, em um primeiro tempo com muitas faltas, o Rio Branco perdeu um jogador por expulsão. O atacante Wellington arrancou com velocidade para o contra ataque e com falta dura, o lateral Igor Lopes, do Rio Branco, interceptou o que seria um ataque muito perigo do Marinheiro. Com a falta, o lateral que já tinha amarelo, levou o cartão vermelho direto e desfalcou a equipe paranaense.

Etapa final

Mesmo com um jogador a mais em todo o segundo tempo, o Marcílio Dias não conseguiu mostrar superioridade diante do Rio Branco e só abriu o placar aos 39 minutos. No contra ataque, o volante Julinho carregou a bola pelo lado direito e de muito longe, mandou uma bomba no gol do Leão. O goleiro Lucas Macanhan, que não contava com a felicidade no chute do volante marcilista, nada pode fazer e só observou a bola estufando a rede.

Logo depois do gol da equipe de Itajaí, o Rio Branco foi para cima e quase empatou. Aos 42 minutos, Bruno Andrade recebeu bola dentro da área, girou em cima da marcação e encheu o pé, mas o goleiro Victor Hugo, com bela defesa, impediu o empate dos donos da casa.

Agora, na quarta rodada do campeonato, o Marcílio Dias enfrenta um adversário bem conhecido. Em busca da segunda vitória e dessa vez no Gigantão das Avenidas, a equipe do Vale enfrenta o Joinville. O duelo está marcado para o próximo sábado (26), a partir das 15h. Já o Rio Branco enfrenta o outro catarinense Juventus de Jaraguá. A bola rola no próximo domingo (27), a partir das 16h, no estádio João Marcatto.

Fotos: Bruno Golembiewski/CNMD