Home Campeonato Catarinense Marinheiro encara o Avaí de olho nas primeiras posições do Catarinense

Marinheiro encara o Avaí de olho nas primeiras posições do Catarinense

Rubro anil pode encaminhar a classificação em caso de vitória

por Álvaro José
0

Marcílio Dias e Avaí se enfrentam nesta quinta-feira (01), na Ressacada, em Florianópolis. O duelo, válido pela 7ª rodada do Campeonato Catarinense, significa muito para o Marinheiro. Se o Rubro anil vencer, fica próximo da classificação à próxima fase. Além disso, o adversário, o Leão da Ilha, está há três jogos sem vencer. Em caso de derrota, o time da capital pode terminar a rodada fora do grupo dos oito melhores.

Marinheiro embalado?

O time itajaiense vem de duas vitórias consecutivas. Resultados que ajudam o Marinheiro a navegar mais tranquilo no estadual. No último confronto diante do Concórdia, a equipe mostrou força e poder de reação. A vitória veio aos 46 da etapa final. Com o resultado, o Marcílio se mantém na parte de cima da tabela. Na 5ª rodada, com gol do recém-chegado Franklin, venceu o Metropolitano fora de casa por 1 a 0.

Marcílio Dias vem de duas vitórias consecutivas no Catarinense. Foto: Bruno Golembiewski/CNMD

Teco confiante

Na tarde desta quarta-feira (31), o técnico Carlos Alberto “Teco, concedeu entrevista coletiva. Na ocasião, o comandante marcilista garantiu o time com a mesma postura dos últimos jogos. “Nossa postura não vai mudar. Pressionar o adversário quando estivermos sem a bola e, com a bola, colocar em prática nossas ideias. Com o objetivo de chegar à meta contrária com efetividade” comenta.

O técnico afirma que, em todos os jogos, a equipe tem a estratégia definida, e que não precisa arriscar jogadas aleatórias. “Nós temos uma ideia de jogo única e os jogadores entendem suas funções dentro de campo. Estamos cientes que precisamos ter intensidade e volume. Sempre temos um objetivo, porque jogar por jogar é ‘pelada’, e não queremos isso aqui no Marcílio”, conclui.

Confira classificação do campeonato

História dos confrontos

Segundo o historiador Gustavo Melim, o duelo ocorreu 189 vezes. O Avaí tem vantagem. São 77 vitórias do Leão, 47 empates e 65 vitórias da equipe de Itajaí. O time da capital marcou 262 gols e o Marcílio 233.

No Catarinense do ano passado, uma vitória para cada lado. O Marcílio venceu por 1 a 0 em Itajaí e no returno, o Leão se deu melhor: 3 a 1 para o time da capital, na Ressacada.